Motivação e Superação para enfrentar os desafios da vida

 na categoria Deficiência e Amputação

Motivação e superação?

Motivação e superação é algo que todos buscam. Estar motivado é estar pra cima, com vontade de fazer tudo. É estar longe dos sintomas de depressão ou tristeza. Mas como fazer isso diante das dificuldades da vida? Para nós integrantes do site Amputados Vencedores tivemos que encontrar motivação. Principalmente porque sofremos acidentes de trabalho, trajeto ou domésticos. Motivação para superar a hospitalização, retorno para casa, colocação de prótese, encarar a nova vida. Enfim, como passar por tudo isso?

Cada um encontra a motivação dentro de sí mesmo

Entra a fé em ação. É algo que encontramos dentro de nós mesmos. Paramos, olhamos e recorremos a fé. Nossos familiares oferecem seu apoio e assim seguimos os dias. Persistência, garra e motivação. A superação vai ocorrendo dia após dia e uma nova forma de viver vai aparecendo. O que parecia tão difícil vai ficando mais fácil e entra em cena a aceitação. Passou a raiva e aceitamos nossa nova condição.

motivação-superação-flavio-peralta-cavalo

Flávio Peralta se superando num passeio a cavalo sem os dois braços que perdeu num acidente de trabalho

Onde encontramos motivação e superação?

Muitas pessoas que sofreram acidentes ou passaram por doenças encontram motivação e superação ao ajudar o outro. Encontram paz e força ao prestar serviço para alguma instituição ou adotar uma causa. Flávio e Jane Peralta encontraram no site Amputados Vencedores uma forma de ajudar pessoas que passaram por acidentes de trabalho ou amputação. Maxx Figueiredo tornou-se sósia do homem de ferro e com sua armadura visita hospitais. Severino Omena colabora com uma creche na cidade de São Paulo. Claudines Bartolomeu encontrou na natação uma nova forma de viver, deixando a cadeira de rodas ao lado da piscina e tornando-se um atleta paralímpico de natação. Sabrina Leite em sua primeira corrida com prótese conheceu Márcio Leite, deficiente visual, e juntos adotaram o atletismo como uma forma de viver, tornando-se também atletas paralímpicos. Leidener Sardinha mesmo sem braços adotou os cuidados do filho especial. E muitos outros que poderiamos aqui.

motivaçao-superacao-flavio-peralta-palestras

Flávio e Jane Peralta fazendo palestras pelo Brasil sobre motivação e superação

motivação-superação-maxx-figueiredo

Maxx Figueiredo visitando hospitais como Homem de Ferro

motivação-superação-claudines-bartolomeu

Claudines Bartolomeu atleta paralímpico de natação

motivação superação severino omena palestras

Severino Omena perdeu os dois braços e as duas pernas e usa o computador mesmo assim

motivação-superação-severino-omena-palestras

Severino Omena perdeu os dois braços e as duas pernas e aceitou sua condição

motivação-superação-sabrina-custodia

Sabrina Custódia e Márcio Leite atletas paralímpicos após acidentes de trabalho e doméstico

motivação-superação-mario-christ

Mario Christ dirigindo com prótese

Existe limite para superar?

Pelo visto cada um encontra uma forma de superar e de continuar motivado para viver. Pode faltar um braço, uma perna, a visão, faltar movimentos mas não existe limite para a mente humana. Tudo é possível se você desejar. A alegria entra em cena no lugar do desespero e um novo cenário será percorrido.

Conheça mais sobre motivação e superação em nossos vídeos. Clique aqui

Posts Recomendados
Comentários
  • mauricio silva souza
    Responder

    Bom dia.
    Meu nome é Maurício tenho 34 anos.
    Aos 25 anos sofri um acidente com fogos de artifício no qual tive meu punho direto amputado por causa da explosão.
    Hoje não faço nada da vida nada nesmo.
    Pois eu era elitista residencial e não consigo fazer más nada do eu fazia.
    Cheguei a concluir o ensino médio em 2012 mas não consigo fazer nada.
    E pra faltar a verdade nesses 8 anos eu já tentei muito a mim adequar a essa situação, más não e facio não,tive muitas perdas por conta desse acidente.
    Financeiro,profissional,familiar. Hoje só vejo meus filhos quando vão na casa da minha mãe que é aonde eu moro derde quando a minha ex mulher nim largou em 2012.
    Não estou conseguindo mim encaixar em nenhum lugar, pós sempre estou sendo olhado de maneira diferente por algumas pessoas até mesmo por quem eu achava Serém meus amigos!
    Se alguém ai poder mim da uma orientação de como eu devo fazer superar isso eu ficarei profundamente grato.

    • Jane Peralta
      Responder

      passa seu contato

Deixar um comentário

Digite o que procura e aperte a tecla Enter para pesquisar

adriele silva atleta ironman